Home Portal Notícias Leo de Brito quer contribuir com avanços democráticos no País

Leo de Brito quer contribuir com avanços democráticos no País

3 min read
0

leoPT-tribuna

FOTO: SALU PARENTE/PT NA CÂMARA

Em seu primeiro discurso na tribuna da Câmara, nesta segunda-feira (9), o deputado Leo de Brito (PT-AC), recém-empossado, reafirmou o compromisso do seu mandato na construção de um Brasil mais justo e sustentável. Ele assegurou que o governador do Acre Tião Viana e a presidenta Dilma Rosseff terão do seu mandato um aliado “incondicional” na construção de um novo Acre e de um novo Brasil.

“Quero contribuir para este importante momento dos nossos governos,   que é o da consolidação dos avanços conseguidos nos últimos quatro anos, sobretudo na infraestrutura para o desenvolvimento da indústria, no acesso à habitação, na melhoria da saúde, da segurança e dos indicadores da educação”. Ele citou ainda o incentivo aos pequenos negócios e a redução da extrema pobreza no país.

O deputado frisou que as vitórias do governador do Acre, Tião Viana e da presidenta Dilma fortalecem a tese de que a construção de um país com desenvolvimento sustentável, aliado ao crescimento econômico com inclusão social, é possível.

Reformas – Leo de Brito explicou que, como educador, se dedicará ao objetivo apontado pela presidenta Dilma, de transformar o Brasil em uma pátria educadora.Além disso, o petista se comprometeu com a defesa das reformas política e tributária, bandeiras estas defendidas pelo PT e que estão em debate na Câmara. Ele disse ainda que estará vigilante e pronto para defender a Amazônia diante de eventuais retrocessos em relação à legislação.

Golpismo – O petista afirmouque o trabalho intensivo de combate à corrupção verificado no país nos últimos anos tem na presidenta Dilma sua maior defensora. Para ele, qualquer tentativa de deslegitimar um governo eleito pela maioria da população brasileira, terá a marca de um golpe. “Nossa presidenta foi legitimamente eleita para governar por quatro anos e qualquer tentativa de abreviar este mandato é um flerte com práticas golpistas que aterrorizaram nosso país em outros tempos”, alertou Leo Brito.

Benildes Rodrigues

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

João Daniel denuncia que regularização fundiária proposta por Bolsonaro acentua injustiça agrária

A preocupação com a medida provisória (MP 910/19), editada esta semana pelo governo federa…