Home Portal Notícias Por 5 a 1, TRE rejeita contas de campanha do PSDB em São Paulo

Por 5 a 1, TRE rejeita contas de campanha do PSDB em São Paulo

3 min read
0
sptucano
 
O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de São Paulo rejeitou nesta quarta-feira (10), por cinco votos a um, as contas de campanha Alckmin. Na avaliação do Tribunal, houve falhas nas prestações parciais de contas do tucano.
 
Segundo o TRE, deixaram de ser computados cerca de R$ 900 mil na primeira prestação parcial. Na segunda, faltaram nada menos que R$ 9 milhões, que só foram incluídas na prestação final do candidato.
 
O governador reeleito será diplomado e tomará posse mesmo com a rejeição das contas. O advogado da campanha estadual do PSDB em São Paulo, Ricardo Penteado, disse que vai recorrer da decisão.
 
O PSDB entrou com ação junto ao TSE para pedir a impugnação das contas de campanha da presidenta Dilma. Antes da votação do pleno do tribunal, o Ministério Público já havia rejeitado o pedido por considerar improcedentes os questionamentos.
 
Ao que tudo indica, as contas de Alckmin seguem o padrão das contas de campanha do presidenciável derrotado Aécio Neves. Isso porque esta semana o PT apontou novas irregularidades nas contas de campanha do tucano e pediu investigação do TSE.
 
A principal denúncia refere-se a uma lista composta por 28 empresas, criadas neste ano, que atuaram em favor da campanha de Aécio. Outro fato considerado grave pelos advogados do partido é a constatação de que apenas 21% das notas fiscais desses estabelecimentos foram juntadas aos autos.
 
Foi apontada, ainda, a ausência de documentos de apresentação obrigatória, como extratos bancários compreendendo todo o período de campanha e o termo de encerramento das contas.
 
Portal Vermelho
Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

STF questiona Lira sobre impeachment e Bolsonaro fica nervoso

“Só Deus me tira”, reagiu, fora do sério, Bolsonaro, cada vez mais cobrado pela sociedade …