Home Portal Notícias Petista comemora autorização para início das obras do Porto Sul da Bahia

Petista comemora autorização para início das obras do Porto Sul da Bahia

3 min read
0

PortoSul

Foto: Divulgação

O deputado Geraldo Simões (PT-BA) comemorou nesta terça-feira (23) a autorização concedida pelo Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e de Recursos Renováveis (Ibama) para o início das obras do Porto Sul da Bahia. O complexo deve custar R$ 5,6 bilhões e será o maior projeto portuário do País. Localizado na cidade de Ilhéus, o Porto Sul vai ser integrado à Ferrovia Oeste-Leste. A licença de instalação foi assinada na última sexta (19), mas publicada ontem (22).

“São investimentos como esse que estão evitando que o Brasil se junte aos Países da Europa, que tomaram medidas de contenção e arrocho contra a crise”, destacou Simões. Segundo ele, enquanto nesses países o desemprego castiga a população e a economia patina, “o Brasil segue investindo e criando empregos, o que gera demanda e mantém a população em atividades produtivas”.

O parlamentar também fez questão de agradecer o empenho da presidenta Dilma Rousseff e do governador Jaques Wagner (PT) para que a obra se tornasse realidade. Segundo a assessoria do Governo da Bahia, as obras do complexo devem ser concluídas em cinco anos.

Características – O Porto Sul será construído numa área de 1.865 hectares, na praia deserta de Aritaguá, a apenas 15 quilômetros de distância do atual Porto de Ilhéus. O governo federal acompanhava com apreensão o processo, porque o cais é o ponto de chegada da Ferrovia Oeste-Leste (Fiol), obra da Valec de R$ 4,3 bilhões, em construção na Bahia.

O complexo será formado pelo Terminal de Utilização Privada (TUP) da Bahia e pelo TUP da Bahia Mineração (Bamin). A estimativa é operar 100 milhões de toneladas anuais até o 25º ano de funcionamento.

Héber Carvalho com agências

   

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Retorno às aulas no momento é atitude inconsequente e perigosa, alerta Waldenor Pereira

O retorno às atividades escolares, sem nenhum plano de segurança de saúde, e em momento de…