Home Portal Notícias Luiz Couto denuncia calúnias que usam nome da CNBB e do Papa contra Dilma

Luiz Couto denuncia calúnias que usam nome da CNBB e do Papa contra Dilma

3 min read
0

LuizCoutotribuna

O deputado Luiz Couto (PT-PB) denunciou, nesta quarta-feira (14), o uso ilegal do nome da Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) para a disseminação de calúnias contra a presidenta Dilma Rousseff. A mensagem caluniosa vem sendo espalhada pela Internet através do e-mail “heliostrobel@superig.com.br” e é baseada numa carta escrita em 2010 pelo bispo Dom Luiz Gonzaga Bergonzini, falecido em 2012. A carta é repleta de mentiras a respeito do 3º Plano Nacional de Direitos Humanos (PNDH3) e de posições da então candidata à presidência sobre temas polêmicos para os cristãos.

A “corrente” atual, tida por Luiz Couto como absurda, diz que a “CNBB recomenda os católicos não reelegerem Dilma” e também cita o sumo pontífice: “Se tiverem a coragem do Papa Francisco e falarem nas missas, certamente atingirão milhões de fieis, ainda que sejam fregueses das bolsas de tudo” [confira na imagem abaixo].

Luiz Couto repudia o uso do nome da CNBB e do Papa para a campanha mentirosa. “Usar o nome do reverendíssimo Papa Francisco e falar em nome da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil é uma grande falsidade ideológica e um crime de alto escalão”, criticou o parlamentar, que é padre católico.

“Não somos contra a liberdade de expressão. Porém, esta liberdade precisa ser verdadeira, concretizada pela verdade e provada através da verdade, o que não aconteceu nesta mencionada nota aos fieis católicos”, prosseguiu Couto.

O deputado paraibano disse que “a mentira nunca prevalecerá” e informou que denunciará a campanha e pedirá providências à presidenta Dilma, à Policia Federal e ao ministro da Justiça “para que investiguem quem está por trás desta fajuta e caluniosa inverdade”.

Rogério Tomaz Jr.

cnbb

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Assista | Bate-papo entre Fernando Haddad e o líder do PT na Câmara, deputado Enio Verri

HADDAD E ENIO VERRI HADDAD E ENIO VERRIAcompanhe AGORA bate-papo entre Fernando Haddad e o…