Home Portal Notícias Deputado quer tornozeleira para agressores de mulheres

Deputado quer tornozeleira para agressores de mulheres

3 min read
0

mentor

O deputado José Mentor (PT-SP)encaminhou na quarta-feira (12), à Mesa Diretora da Câmara dos Deputados, o projeto de lei  (PL 7.056/2014), que ressalta a possibilidade do monitoramento de agressores de mulheres, por meio de tornozeleiras eletrônicas, em todo o território nacional.

A iniciativa, baseada nos termos da Lei nº 12.258, de 2010, busca oferecer segurança às mulheres vítimas de violência e de sua família, auxiliando na fiscalização das medidas protetivas de urgência e evitando que o agressor viole uma determinação judicial.

Para o deputado, a proposta amplia o rol das medidas protetivas de urgência que podem ser aplicadas pelo juiz ao agressor. “Atualmente, o descumprimento das medidas protetivas é comunicado pela própria vítima, que, muitas vezes está novamente sendo exposta à violência doméstica e familiar. O dispositivo eletrônico usado pelo agressor deverá acionar de forma imediata a Central de Monitoramento que comunicará o fato às autoridades competentes”, explica.

José Mentor ressaltou ainda que o uso da tornozeleira eletrônica possibilitará ao governo uma vantagem econômica, uma vez que, segundo dados do Departamento Penitenciário Nacional, cada preso no Brasil custa em média R$ 2 mil mensais aos cofres públicos, enquanto a tornozeleira custaria apenas R$ 185,10 ao mês.

O projeto prevê ainda alterações na Lei Maria da Penha (Lei 11.340/2006) com destaque para o aumento da pena mínima aplicável ao crime de violência doméstica e familiar contra a mulher, de três meses para seis meses de detenção.

Estatísticas sobre a violência doméstica demonstram que, apesar do aumento da proteção legal, a violência nos lares brasileiros permanece. Diariamente, mais de 2 mil mulheres registram queixa de violência de seus parceiros e em mais da metade dos casos há tentativa de homicídio.

Assessoria Parlamentar

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Presidente da CDHM solicita ao ministro da Saúde que garanta tratamento para crianças com doenças degenerativas graves

A Atrofia Muscular Espinhal atinge 8 mil pacientes no Brasil e presidente CDHM recebe denú…