Home Portal Notícias Paulão lamenta altos índices de violência contra negros em Alagoas

Paulão lamenta altos índices de violência contra negros em Alagoas

2 min read
0

paulaotribuna

O deputado Paulão (PT-AL) registrou, em plenário, estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), divulgado recentemente, e que aponta Alagoas como o estado mais violento para negros no país, onde há a menor expectativa de vida para homens da etnia em razão da violência. “Essa situação só faz entristecer o Brasil”, disse o petista.

 Paulão destacou que segundo a pesquisa, as mortes violentas de negros no Brasil estão associadas, em parte, à questão socioeconômica. “A perpetuação de estereótipos sobre o papel do negro na sociedade muitas vezes o associa a indivíduos perigosos ou criminosos, o que pode fazer aumentar a probabilidade de vitimização desses indivíduos, além de fazer perpetuar determinados estigmas”, afirmou.

Segundo o estudo, feito com dados do Sistema de informações sobre Mortalidade do Ministério da Saúde e do Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a população de negros e pardos (93,9 milhões) quase alcança a de não negros (96,7 milhões), mas a incidência de mortes violentas na primeira parcela é muito maior.

 A taxa de homicídios de negros no Brasil é de 36 para cada 100 mil; para não negros, ela é de 15,2. Ou seja, para cada homicídio de não negro no país,  2,4 negros são assassinados. Em Alagoas, estado que encabeça a lista, o índice sobe para 17,4 negros mortos para cada não negro assassinado.

Gizele Benitz

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Benedita da Silva afirma que Operação da Polícia no Jacarezinho foi um massacre e poderia ter sido evitado

A deputada Benedita da Silva (PT-RJ) afirmou que a Operação da Polícia Civil do Rio de Jan…