Home Portal Notícias Mais Médicos: Cubanos atestam competência para exercer profissão no Brasil

Mais Médicos: Cubanos atestam competência para exercer profissão no Brasil

2 min read
0

rogeriocarvalho

Dados do Ministério da Educação (MEC) de 2011 e 2012, divulgados pelo jornal O Estado de S. Paulo no último sábado (31), revelam que os médicos formados em Cuba foram os mais aprovados no Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos (Revalida).  No total foram 65 aprovados em 2011 e 77 em 2012.

Para o deputado Rogério Carvalho (PT-SE), o levantamento derruba os argumentos de alguns setores da área médica que tentaram polemizar sobre a vinda de médicos estrangeiros para atuar no Brasil, especificamente, a vinda dos médicos cubanos. Ele acrescentou também que esses dados desmontam a tese da não qualificação desses profissionais.   

“O dados do MEC mostram que esses médicos têm formação similar a outros profissionais de outros países e não devem ser objeto de preconceito ou discriminação”, avaliou Rogério Carvalho.

Ao se referir à discriminação que os médicos cubanos sofreram ao se disporem a atuar no Brasil, no Programa Mais Médicos, Carvalho lembrou que a resistência ideológica predominou nesse debate. Para ele, nenhum profissional deve ser penalizado em virtude da prevalência de um Sistema de Governo.

ELAM – Segundo a reportagem, 13 dos 65 que revalidaram o diploma em 2011, estudaram na Escola Latino-Americana de Cuba (Elam), bem como, 15 dos 77 aprovados em 2012.

A instituição oferece curso de Medicina para estudantes de 113 países, inclusive do Brasil.

Benildes Rodrigues com Agência Estado

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Câmara aprova R$ 1,9 bi para produção de vacina contra Covid-19; PT defende imunização geral da população

Com o voto favorável da Bancada do PT, a Câmara aprovou nesta quarta-feira (2) a medida pr…