Home Portal Notícias Dr. Rosinha pede urgência em políticas de restrição a agrotóxicos

Dr. Rosinha pede urgência em políticas de restrição a agrotóxicos

3 min read
0

O deputado Dr. Rosinha (PT-PR), presidente da Comissão de Seguridade Social, defendeu em pronunciamento no plenário a votação do projeto de lei (PL 740/03), de sua autoria, que prevê novas regras para a aplicação de agrotóxicos por aeronaves. A proposta tramita há 10 anos e está pronta para ser apreciada pelo plenário da Câmara.

“Já passou da hora de o Parlamento discutir com seriedade este tema. A utilização de agrotóxico representa por si só um sério problema para a saúde das pessoas e do meio-ambiente, mas a pulverização aérea de veneno agrícola consegue ser ainda pior, uma vez que 70% do produto despejado pelo avião não atinge o alvo, caindo por deriva indiscriminadamente nos cursos d’água, plantações que não utilizariam pesticidas e até em pessoas”, explicou Dr. Rosinha.

Ele citou o recente caso ocorrido em Goiás, quando uma aeronave que fazia pulverização em lavoura despejou agrotóxico em uma escola localizada em um assentamento de Rio Verde, e intoxicou 40 pessoas, sendo 29 crianças entre seis e 14 anos.

De acordo com o deputado Dr. Rosinha, o agrotóxico que intoxicou os estudantes em Goiás está proibido pelo Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e de Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) para utilização em pulverização aérea, por causar mortandade de abelhas.

“O produto é o Engeo Pleno, comercializado pela empresa Syngenta e que é considerado altamente perigoso para o meio ambiente. A recomendação vigente determina a não fazer aplicação em áreas situadas a uma distância inferior a 500 metros de povoação, manancial de água, moradias isoladas, agrupamento de animais e vegetação suscetível a danos”, ressaltou.

Tramita apensado ao projeto, o PL 3614/12, do deputado Padre João (PT-MG), que trata do mesmo tema.

Gizele Benitz

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Alexandre Padilha diz que apesar de desmonte do governo Bolsonaro, Brasil está preparado para enfrentar coronavírus

A Organização Mundial da Saúde (OMS) elevou, na tarde de ontem (27), o nível de risco mund…