Home Portal Notícias Petistas elogiam mobilização da juventude em prol de agenda positiva

Petistas elogiam mobilização da juventude em prol de agenda positiva

5 min read
0

jornadadelutas

Foto: Gustavo Bezerra

Deputados petistas elogiaram a pauta – “do presente e do futuro” – de reivindicações da Jornada de Lutas da Juventude Brasileira, que teve início no dia 25 de março e será encerrada no dia 11 de abril. Nesta terça-feira (2), as entidades organizadoras da Jornada promoveram um ato público no Congresso Nacional.

Para o deputado Paulão (PT-AL), a mobilização da juventude é fundamental para que as políticas públicas destinadas a este segmento se concretizadas. “Infelizmente, as políticas para a juventude ainda estão mais presentes no discurso do que na prática. Por isso a Jornada tem um papel muito importante, que é o de cobrar a implementação das ações voltadas à juventude”, avalia Paulão.

O parlamentar alagoano também elogiou a pauta de proposições da Jornada. “Quando os jovens defendem os 10% do PIB para a educação, o fortalecimento do SUS, o maior investimento em ciência e tecnologia, a importância dos direitos humanos, eles estão demonstrando que possuem uma visão do presente e do futuro, o que é algo muito positivo”, disse Paulão.

Já o deputado Nilmário Miranda (PT-MG) chamou a atenção para a violência da qual são vítimas os jovens. “A juventude brasileira tem sofrido uma violência extraordinária. O número de jovens assassinados nas periferias é maior do que o número de mortes na guerra do Afeganistão ou do Iraque. As maiores vítimas são os jovens negros e pardos, os jovens pobres, as mulheres jovens, a juventude gay, que é vítima de preconceito e violência, os moradores de rua, quilombolas e camponeses. Nós precisamos discutir as soluções para acabar com isso”, afirmou Miranda.

“Além dessa questão da violência, entretanto, precisamos valorizar a agenda positiva da juventude, nas pautas da educação, do lazer, da formação profissional, do trabalho e de tantas outras que precisam ser abrigadas em um grande ‘pacto nacional’ que servirá, também, para combater a violência sofrida pelos jovens”, acrescentou Nilmário Miranda.

O secretário nacional de Juventude do PT, Jefferson Lima, destacou a unificação das pautas de dezenas de organizações, movimentos sociais, partidos, movimentos de mulheres, comunidade LGBT, entre outros setores da juventude. “Esse é um momento único na história da juventude brasileira, já que conseguimos unificar as pautas e estamos lutando juntos pela reforma política, pela democratização dos meios de comunicação, pelo fim do extermínio da juventude negra, pela destinação de 100% dos royalties do pré-sal para a educação e pela aprovação do Estatuto de Juventude, que nos garantirá mais avanços e conquistas, entre outras bandeiras importantes”, disse Lima, que ressaltou que a Jornada acontece em todos os estados brasileiros.

Rogério Tomaz Jr.

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Zé Neto apresenta projeto que garante computador para estudantes pobres de escolas públicas durante a pandemia

O deputado Zé Neto (PT-BA) apresentou um projeto de lei na Câmara (PL 3.699/20), com a coa…