Home Portal Notícias Artigos A Câmara e a sociedade

A Câmara e a sociedade

6 min read
0

Em artigo, o deputado Marco Maia (PT-RS), 1º Vice- Presidente da Câmara dos Deputados,trata da atividades da Câmara e da cobertura que a mídia dá ao trabalho parlamentar. Ele analisa que grande parte da mídia só procura veicular aspectos negativos e diz que a Câmara é um dos pilares do estado democrático de direito. Leia a íntegra:

 

A população brasileira desconhece, em sua maioria, as ações e funcionamento da Câmara dos Deputados. Isto comprova-se devido ao desgaste perante a opinião pública, onde as críticas recaem não apenas sobre os desvios de conduta, como também, sobre a própria necessidade desta instituição. Cabe a Câmara dos Deputados fiscalizar o Poder Executivo, isto é, aquele que arrecada e administra os recursos públicos. É função, também, produzir leis que versem sobre assuntos de interesse nacional, além de abrigar os representantes eleitos pelo povo.  

Através dos meios de comunicação como o rádio, jornais e principalmente da televisão, a sociedade recebe as informações sobre o que está ocorrendo no plenário, porém, quase que diariamente as notícias veiculadas são negativas, transparecendo que os deputados seriam um fardo a ser carregado pelos contribuintes.

Todavia, a Câmara dos Deputados é um dos pilares do estado democrático de direito e em momentos de intensa pressão popular sobre os parlamentares é que devemos estreitar nossos laços com a sociedade, não apenas proporcionando maior transparência nos gastos da Casa, mas, principalmente resgatando o papel fundamental da Câmara de representar o povo e consolidar a democracia.

Como 1º Vice-Presidente da Câmara dos Deputados, além da continuidade do trabalho regular no gabinete parlamentar, recai a relatoria de todos os requerimentos de informação solicitados pelos deputados à Mesa Diretora. Os requerimentos versam sobre diversos assuntos, desde as ações do governo para combater a crise, como a situação de estradas, investimentos em saúde, entre outros. O regimento interno da Casa impede os parlamentares que estejam ocupando cargo na Mesa de participar de comissões permanentes, de inquérito e especiais. São nas comissões onde ocorrem os debates sobre os principais temas de relevância nacional.

Sendo assim, e buscando auxiliar na recuperação de uma interlocução regular e segura com a sociedade, a Mesa Diretora da Câmara aprovou a proposta de promover reuniões entre os membros da Mesa e a sociedade civil. A cada quinze dias ocorrerão encontros com diversos setores da sociedade como comunicação, trabalhadores, cooperativismo, industrial, empresarial. A meta desta nova iniciativa é de contribuir para a melhor qualificação da agenda legislativa. A Câmara terá a oportunidade de apresentar suas atividades regulares, as novas iniciativas que vem apresentando às demandas que surgem e principalmente será um canal para ouvir e interagir com a sociedade que poderá apresentar suas preocupações, cobranças, aspirações e claro, solicitar explicações aos parlamentares.

Estes encontros serão oportunidades preciosas para recolher opiniões e sugestões visando construir um diagnóstico preciso da conjuntura atual. Prover maior transparência na gestão pública, aproximar o legislativo federal da população é uma função precípua de um parlamento republicano. Através de iniciativas como esta, esperamos fortalecer o laço com a população, auxiliando na recuperação da imagem do legislativo e produzindo uma agenda de convergências com a sociedade.

*Marco Maia é 1º Vice- Presidente da Câmara dos Deputados

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

PT protocola ação popular contra governo Bolsonaro por monitoramento de redes sociais de parlamentares

Parlamentares do PT na Câmara e no Senado protocolaram hoje (23) ação popular contra o min…